Incêndio fora de controle em Macaúbas


Nuvem de fumaça negra se forma atrás da serra do Cristo (Foto: Marcos Rita Sant'Ana / Macaúbas Notícias)

Na tarde desta quinta-feira (03) iniciou um incêndio na região de Catolés, zona rural de Macaúbas, no sudoeste baiano.


Em contato com o secretário de Meio Ambiente de Macaúbas, o senhor José Ilton Lima, ele informou ao Macaúbas Notícias, que o incêndio já está fora de controle, subindo a serra e que em Macaúbas não há equipamentos apropriados para combater, que não há muito que se possa fazer.


Disse também que entrou em contato com o INEMA - Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos, na regional de Santa Maria da Vitória, a qual Macaúbas pertence, avisando do incêndio e foi informado que o INEMA entraria em contato com o Corpo de Bombeiros de Barreiras para que se deslocassem até Macaúbas.

O secretário também disse que buscará formar um mutirão para ajudar no combate.

Cadê os Brigadistas de Macaúbas?


Era para existir em Macaúbas uma equipe de brigadistas, porem está desativa, a cerca de 03 anos foi formada uma turma com mais de 15 brigadistas para estarem atuando no município, uma vez que esse tipo de incêndio é recorrente, e acontece praticamente em todos os anos.


Na ocasião o Governo do Estado promoveria o curso, que foi realizado, e o Governo Federal entraria com recursos junto com a contrapartida do município que seria disponibilizar uma sala e materiais para manterem a brigada de Macaúbas ativa.


No entanto não se sabe o que aconteceu, e não houve um acordo entre os entes e em momentos como esse, existindo a equipe ativa, em tempo hábil, o incêndio poderia ter sido controlado evitando assim ter que recorrer a cidades vizinhas não tão próximas a Macaúbas, como Barreiras acerca de 370 km de distância, e o principal, evitado os enormes prejuízos causado ao meio ambiente.


Crime Ambiental


Todo ano esse tipo de incêndio criminoso acontece, já virou tradição, destruindo a vegetação e causando mortes aos animais, além de arrasar com o solo que levará um bom tempo para se recuperar.


Além do fato de grande estupidez humana o que mais chama a atenção é que nunca ninguém é punido, as autoridades competentes nada fazem para investigar e punir quem cometeu esse crime e simplesmente ignoram a Lei n. 9.605 /98 que traz no seu artigo 41:


- Art. 41: Provocar incêndio em mata ou floresta:

- Pena: reclusão, de dois a quatro anos, e multa.

- Parágrafo único: Se o crime é culposo, a pena é de detenção de seis meses a um ano, e multa.


Fotos: Marcos Rita Sant'Ana / Macaúbas Notícias e Fotos recebidas pelo Whatsapp


Por: Marcos Rita Sant'Ana / Macaúbas Notícias

1/3
Posts Em Destaque
Categorias
Curta
  • Facebook Basic Square
Arquivo
UMA EMPRESA
DA VIRTUAL TREND
  © 2016 Virtual Trend Comunicação - Todos os Direitos Reservados