© 2016 Virtual Trend Comunicação - Todos os Direitos Reservados  

Com as chuvas, moradores da Região dos Cristais se preocupam com a qualidade da água.

21/11/2016

 (Foto: Sérgio Meira)

 

 

A reivindicação e o problema são antigos, mas até agora nada foi feito para melhorar o sistema de tratamento de água que abastece o Distrito de Cristais zona rural de Macaúbas e toda a região e com as chuvas que tem caído na região nos últimos dias a preocupação dos moradores aumenta, já prevendo a água que chegará em suas casas.

 

Segundos os relatos quando chove e o volume do rio aumenta, as águas da chuva trazem muita lama e outros dejetos suspensos e deixa a água com uma coloração marrom avermelhada além de odor e gosto desagradáveis, e essa água acaba chegando nas residências desse jeito, pela falta de um tratamento adequado.

 

Uma forma de se resolver o problema seria, essa água antes de chegar até as residências deveria ser captada do rio e depositada em um recipiente, um local apropriado, para ocorrer a decantação de todo esse material suspenso na água, e tratada para eliminar as bactérias, para que esta chegue incolor (transparente), inodora (sem sabor) e insipida (sem sabor) e de qualidade até os moradores, como tem que ser.  

 

 

Conforme informações do morador Sérgio Meira, no dia 16 de fevereiro deste ano houve uma reunião com o diretor na época do SAAE (Serviço Autônomo de Água e Esgoto), o Sr. José Raimundo da Silva (Zezito), onde o mesmo garantiu a implantação de um sistema de tratamento que acabaria com esta cor, dando mais qualidade à agua.


 

                     (Foto: Reprodução / Sérgio Meira)

 

 

No dia 11 de março foi publicado no Diário Oficial um edital para contratação de empresa fornecedora de material (caixa d’água) para a realização do serviço prometido, porém até agora nada foi feito.

 

Segundo Sérgio “E hoje 20/11/2016 temos a barragem cheia novamente e uma preocupação: Vamos ter que passar pelo processo de reclamação e ouvir promessas de melhorias novamente? Deus está fazendo a parte dele, cabe aos responsáveis cumprir com suas obrigações”, finaliza.

 

 
Nossa reportagem entrou em contato com o diretor do SAAE, o Sr. Delcione Oliveira Figueiredo, e fomos informados que o SAAE já estava com tudo preparado para a execução das obras, que já estava orçada em R$70 mil quando foram informados que o Governo do Estado, pretende construir uma nova estação de tratamento e que parece que a verba já estaria disponível através da Funasa (Fundação Nacional de Saúde).
                           Foto: Reprodução / SAAE - Macaúbas 
 
Segundo Delcione, para o SAAE realizar as obras e o Governo vir e derrubar e se perder tudo o que foi feito, eles acharam mais prudente aguardar, mas que vão instalar as caixas d’aguas para a decantação enquanto isso, para amenizar o problema, uma vez que o filtro existente hoje não suporta filtrar o volume da água nesse momento de cheia.
 

Informou também que estão enviando um engenheiro para apurar o cronograma dessa obra junto ao Estado, pois é interesse do SAAE resolver esse problema e a depender da previsão do Governo do Estado, eles não irão esperar e irão realizar a obra como estava programado.

 

Vejam fotos abaixo do sistema de captação enviadas por Sérgio Meira

 

 

 

Compartilhar Facebook
Compartilhar Twitter
Please reload

Publicidade

1/3
Posts Em Destaque

De Macaúbas para o Brasil, viajar agora ficou mais fácil

March 5, 2020

1/10
Please reload

Categorias
Curta
  • Facebook Basic Square
Arquivo