Macaúbas: Na luta contra a reforma da previdência


(Foto: Marcos Rita Sant'Ana / Macaúbas Notícias)

Mais uma vez nesta manhã de sexta (24) a APLB-Macaúbas com o apoio do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Macaúbas e Agentes comunitário de Saúde do município, realizou uma caminhada pelas ruas da cidade contra a PEC 287/2016 que altera as regras da previdência.


Professores, agricultores, comerciantes, agentes de saúde, pessoas representando os mais diversos segmentos saíram pelas ruas, convocando a população a aderirem ao movimento e explicando os danos que acarretará para as pessoas e para a economia do país se essa PEC for aprovada.


Apesar de um número razoável de pessoas engajadas nesta causa a população em sua maioria parecem estar alheias a gravidade da situação, população esta, que em sua maior parte dependente de algum tipo de programa social para sobreviver.


Mas parecem não se importarem em perderem seus direitos e os benefícios conquistados graças a lutas de outras pessoas, que lutaram para conquistarem os direitos que hoje possuem e estão prestes a perder.


Alguns comércios fecharam suas portas em sinal de apoio ao movimento, e as palavras proferidas dos manifestantes aos comerciantes, foram que se eles não lutarem pela causa e fechassem por uma horinha seus comércios para apoiar o movimento, no futuro teriam que fechar suas portas em definitivo.


Uma vez que, o que movimenta o comercial local são os R$8 milhões recebidos pelos aposentados do município mais de R$2 milhões aproximadamente de salários dos professores e que se esses direitos forem perdidos quem vai comprar nos comércios?


No dia 01° de abril está previsto mais um ato contra a PEC 287 e espera-se uma participação maior da população.



1/3
Posts Em Destaque
Categorias
Curta
  • Facebook Basic Square
Arquivo
UMA EMPRESA
DA VIRTUAL TREND
  © 2016 Virtual Trend Comunicação - Todos os Direitos Reservados