SOS : Saúde de Macaúbas pede socorro


A saúde de Macaúbas vive um verdadeiro inferno astral, com um início de gestão conturbada sendo cobrada tanto pelos vereadores da oposição quanto da situação.


Na Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Vereadores na manhã desta terça-feira (21), os vereadores da situação Carlinhos de Antero, Valmir do Enchu e Marcia Benda reclamaram do não comparecimento da secretária de saúde do município que havia sido convidada a comparecer na Sessão para tirar dúvidas e esclarecer algumas situações que vem acontecendo.


Carlinhos disse que toda sua fala foi programada direcionada a fazer perguntas para a secretária que não compareceu e que ele não teria mais o que falar neste momento.


Valmir em sua fala destacou: “que quanto mais a secretária evitar de ir até essa casa, fica pior para ela, porque mostra que não está tendo coragem de enfrentar os vereadores”.


Valmir ainda falou que na gestão do ex-secretário de saúde Abílio Marcondes, que o município conseguiu alguns projetos para algumas unidades de saúde em comunidades rurais, como a ampliação do PSF do Açude no valor de R$65.100,00 e que os vereadores tem que ficar de olho se a aplicação desse recurso será feito corretamente, a região de Gameleira que irá receber um recurso de R$94.905,00 também para ampliação da unidade de saúde da comunidade, Canatiba R$52.000,00 e Barra de Cima R$ 85.800,00 e que estas 04 unidades já receberam a primeira parcela e destacou a importância da presença da secretária para eles saberem se essas obras realmente vai acontecer e que dia que vai começar as ampliações.


Valmir falou também do Programa Melhor em Casa, onde médicos estão visitando algumas residências para fazer atendimentos, que também foi uma conquista do ex-secretário Abílio, que o município recebeu a primeira parcela em dezembro de 2016 e a segunda em fevereiro no valor de R$56.000,00 e que esses recursos federais eles têm de fiscalizar para saber onde serão aplicados.


Destacou que seria importante a presença da secretária na Sessão para esclarecer o porquê de as unidades de saúde dos lugares mais carentes do município estarem fechadas sem atendimento médico, se o problema for, que o carro para transporte dos médicos estarem quebrados, por que não alugam um carro até consertarem os carros.


Marcia falou que as cobranças dos colegas eram pertinentes, que a secretária deveria estar presente na sessão, até para passar para a população o que está funcionando na área da saúde que o povo não tem o conhecimento.


O vereador Nego de Eli também falou da importância da presença da secretária até mesmo para eles saberem quem realmente é a secretária, que é a grande dúvida da população, que hoje ninguém sabe quem é a secretária que a pessoa chega na secretaria para procurar ajuda quem toma a frente é Telma, e que o povo precisa saber se é Telma ou Idalina.


O vereador Marcelo Nogueira falou que a Sessão tinha ficado certa para receberem a secretária de saúde do município e que ele gostaria de saber quem de fato está atuando como secretária na pasta da Saúde.


Marcelo falou que teria vários questionamentos a fazer para a secretária como por exemplo a central de marcação de consultas, que o povo, idosos, crianças que vem de longe e madrugam no lugar para tentarem marcar as consultas, que não está tendo vagas mais para março e pedindo para o povo voltar em abril novamente para tentarem marcar a consulta, por que que não estão fazendo a agenda de abril e maio? Que as pessoas da zona rural terão que gastar novamente com a viagem para tentarem marcar uma consulta.


Sobre o Centro Cirúrgico do Hospital fechado, por que o Raio-X do hospital não está funcionando só o da UPA? Por que então não abrem a UPA? As unidades básicas de saúde fechadas sem atendimentos sendo que os médicos estão recebendo, por que não estão atendendo? Por que não tem transporte? Porque está sem atendente que tiraram por causa da política e ainda não contratou a pessoa certa? Questionou o vereador.


Marcelo finalizou dizendo; “São vários questionamentos que gostaria que a secretária estivesse aqui para explicar [...] que conseguiram piorar ainda mais a saúde do município. E vejo isso não por conta dos funcionários da saúde percebo todos eles preocupados, mas não estão tendo autonomia, eu vejo coordenadores correndo atrás para melhorar a saúde do nosso município, mas o que tá faltando, é compromisso é por parte do executivo, dá autonomia para resolver esses pequenos problemas que com certeza vai atender o povo do nosso município. ”


O vereador Marciel falou sobre o PSF de Barra de Cima que atende a região mais distante da serra, a mais de 50km da sede, pediu para voltar a funcionar, que o motivo for por falta de carro, o que falta é organização, e se é falta de vontade que aí ele já não sabe.


O vereador Ricardo Costa, líder da situação, tentou justificar o estado atual da saúde no município alegando que a saúde de Macaúbas nos últimos anos vem se deteriorando, que pela complexidade desse problema não é fácil resolver em 75 dias, que os colegas vereadores que estão fazendo essa cobrança hoje, poderiam ter feito essa mesma cobrança no passado que com certeza teria hoje uma saúde um pouco menos complicada para se resolver os problemas.

A verdade é que a situação da saúde em todo Brasil sempre foi calamitosa, contudo independente de quem fez ou deixou de fazer o povo paga seus impostos e merece respeito e um atendimento digno para fazer jus ao que é pago e que não é pouco.


E os problemas estão aí para serem resolvidos, o que não pode é a população ficar sem atendimento médico por falta de transporte de médicos, sem poder realizar cirurgias por falta de centro cirúrgico, sem consultas e tratamentos odontológicos por falta de profissionais e PSfs abertos, o hospital ficar sem o equipamento de Raio-X, a pessoa viajar quilômetros em estrada de terra durante a madrugada para agendar uma consulta e receber um volte o mês que vem, enfim problemas tem aos montes e o que a população quer é a solução não os motivos do por que eles existem.



1/3
Posts Em Destaque
Categorias
Curta
  • Facebook Basic Square
Arquivo
UMA EMPRESA
DA VIRTUAL TREND
  © 2016 Virtual Trend Comunicação - Todos os Direitos Reservados